Qual o seu estilo de aprendizagem?

Quando identificamos o nosso estilo de aprendizagem, passamos a conhecer a maneira que usamos para entender e aprender algo novo. Cada pessoa tem um estilo próprio e único de aprender, o que muitas vezes pode ser a combinação de mais de um estilo.

Com isso em mente, professores podem propor atividades diferentes que incluam teatro, música, jogos ou dança para que o processo de aprendizagem se dê de forma mais eficaz e prazerosa.

De acordo com teóricos da Psicologia Educacional, foram identificadas oito formas de aprendizagem: cinestética ou de movimento, intrapessoal, interpessoal, verbal ou linguístico, matemático ou lógico, musical, visual ou espacial, e naturalista. Através de testes é possível identificar quais são os estilos dominantes e os secundários de cada aluno.

Depois de identificar o seu estilo, e antes de iniciar um novo curso, verifique se o seu futuro professor conhece e utiliza técnicas de ensino variadas que se adequem à sua forma de aprendizagem.

Cheers and good luck!

Inteligências-Múltiplas   Gardner's Multiple Intelligence

Entendendo os brasileiros

O blog Johnson, publicado no The Economist, fez uma crítica/brincadeira mostrando, através de algumas frases, a diferença entre o que nós brasileiros falamos, o que os estrangeiros entendem e aquilo que realmente queremos dizer. O post chama-se Brazilians: Portuguese for the perplexed e talvez soe como uma ofensa para muitos.

O fato é que o Brasil é um país enorme e com diferenças regionais que se refletem na nossa forma de usar a língua portuguesa falada aqui. Portanto, uma vez que a crítica não se aplica a todos, é interessante ver como os outros nos percebem, no que diz respeito à nossa comunicação.

Cheers!

A linguagem de Downton Abbey

Quem acompanha a maravilhosa série Downton Abbey, como eu, sabe que muitas vezes fica difícil entender certas palavras e expressões usadas nos diálogos dos personagens. Isso porque a série, ambientada na Inglaterra do início do século XX, recorre a expressões idiomáticas em desuso ou vez por outra faz referências a fatos que muitos pobres mortais desconhecem.

Para facilitar um pouco a vida do telespectador que vem seguindo os dramas e conflitos da família Grantham, Angela Tung, do website Wordnik, vem colecionando frases da série. Aqui você pode encontrar uma lista com as da terceira temporada.

Cheers!